The Coffee Dealer com torrefação própria

The Coffee Dealer com torrefação própria. Como sabemos, é através da torra que são revelados todos os esforços e cuidados que foram direcionados ao café desde seu plantio até o beneficiamento. Portanto, torrar é uma arte. Aliás, recentemente ficamos muito contentes em saber que...

Leia mais

Museu do Café celebra mais de duas décadas de trabalho

Museu do Café celebra mais de duas décadas de trabalho. O dia 12 de março é uma data muito importante para a história de Santos e do Estado de São Paulo, para a cultura brasileira e para todos os amantes de um bom cafezinho....

Leia mais
Café | Notícias 05 de dezembro 2017

Xícaras fabricadas com borra de café?

Xícaras fabricadas com borra de café?

Então, olha que ideia genial desse alemão: xícaras fabricadas com borra de café!☕☕

 

Xícaras e pires feitos de borra de café, o que você acha?

Xícaras e pires feitos de borra de café, o que você acha?

Publicado por DW Brasil em Terça-feira, 14 de novembro de 2017

 

Cafés Especiais: Conheça a nossa História

Muitos seguidores nos perguntam como começou nossa história com os Cafés Especiais. E, por isso, resolvemos atender aos pedidos e escrever esse post. E você, também quer saber? Voilà!

1 – Início da nossa história
Nossa história com os cafés especiais começou quando sentimos a necessidade de consumir um café de maior qualidade, pois o convencional estava nos fazendo mal, literalmente. E agradecemos muito por isso ter acontecido, pois nos serviu de estímulo!

2 – Próximo passo
E para isso acontecer, tínhamos que pesquisar para saber onde encontrar cafés de qualidade superior. Após consultar a internet e também pessoas, encontramos uma “luz no fim do túnel”.

Sim, e essa luz se chama Starbucks. Começamos comprando todos os cafés que eles comercializavam na época e pedíamos para moer, afinal, ainda estávamos começando nesse mundo fantástico dos Cafés Especiais.

Nossa, que mudança. A sensação foi incrível, pois além do sabor ser completamente diferente, não nos fez mal. Mas tinha um detalhe que ainda nos incomodava: açúcar.

3 – Sem açúcar
Ainda adoçávamos o café, mas queríamos sentir ainda mais as notas sensoriais dos cafés. Dito isso, resolvemos partir para mais uma mudança. Mas qual? Diminuir o açúcar aos poucos para acostumar o paladar.

Foi difícil no começo, mais aos poucos, acredite, o paladar se acostuma. Tanto que conseguimos diminuir até, finalmente, parar. Ficamos muito satisfeitos, pois, a partir daquele momento, iríamos sentir ainda mais as diferenças entre os diversos cafés que comprávamos.

4 – Evolução
Nesse meio tempo, já estávamos equipando nossa casa com acessórios que nos auxiliavam-no preparo dos cafés em diferentes métodos, como: cafeteira Nespresso, cafeteira italiana, prensa francesa, V60 e mais! E claro, sempre visitando cafeterias que trabalhavam com cafés especiais e participando de workshops.

Mais mudanças? Sim, com o conhecimento que estávamos adquirindo, resolvemos que a gente queria comprar café direto do pequeno e médio produtor. E essa experiência, além de bacana, ainda ajuda a cultura dos cafés especiais se desenvolver ainda mais.

5 – Conclusão

Bom, resumimos um pouco da nossa história com os Cafés Especiais. Nós amamos provar cafés diariamente, aprender, conhecer pessoas e, principalmente, colaborar para difundir ainda mais a cultura dos Cafés Especiais. Afinal, nada mais justo do que sabermos a origem do café que estamos bebendo, né?

Rick e Aline
Um casal apaixonado por cafés compartilhando experiências
Nossas Visitas | Viagens 16 de outubro 2017

Visitamos o Les Deux Magots em Paris

Visitamos o Les Deux Magots em Paris

Você já ouviu falar do Café Les Deux Magots, em Paris?

Então, para quem gosta de história, tomamos um café nesse local icônico.

Visitamos o Les Deux Magots em Paris

O estabelecimento, que fica localizado em Saint-Germain-des-Prés, sempre foi frequentado por intelectuais e artistas.

 – Leia também: Visitamos uma unidade da Espressamente illy em Paris

Assim, Ernest Hemingway, Simone de Beauvoir e Pablo Picasso, foram algumas das personalidades que visitaram o café.

O espresso custou 4,60 euros, mas valeu a pena pelo café e por estar nesse charmoso local em Paris.

Mais sobre o café

O Les Deux Magots (traduzido do francês, “As duas estatuetas chinesas”) é um café situado no bairro de Saint-Germain-des-Prés, na cidade de Paris, na França. É famoso por ter sido frequentado ao longo de sua história por importantes intelectuais e artistas, como Paul Verlaine, Arthur Rimbaud, Stephane Mallarmé, Elsa Triolet, Louis Aragon, André Gide, Jean Giraudoux, Simone de Beauvoir, Jean-Paul Sartre, Ernest Hemingway, Albert Camus, Pablo Picasso, Fernand Léger, Prévert, James Joyce e Bertolt Brecht. Anualmente, é o local de entrega de importantes prêmios artísticos, como o prêmio literário Prix de Deux Magots; o prêmio de literatura dedicada à música Prix Pélleas; e o prêmio artístico Prix Saint-Germain. Atualmente, é um importante ponto turístico da cidade. Fonte: Wikipedia

Rick e Aline
Um casal apaixonado por cafés compartilhando experiências
Nossas Visitas | Viagens 12 de outubro 2017

Visitamos o Café Ritazza em Genebra

Visitamos o Café Ritazza em Genebra.

Primeiramente, você já conhece Genebra?

Imagine um lugar onde, após uma pequena caminhada, você conhece lindas paisagens,uma arquitetura belíssima, um lago de águas cristalinas, vitrines das lojas mais conhecidas do mundo, lojas e mais lojas de canivete suíço, e claro, muito chocolate.

Assim é  Genebra, na Suiça, a capital da paz, por sediar a ONU e a Cruz Vermelha.

Visitamos o Café Ritazza em Genebra

E, recentemente, estivemos na europa e fizemos uma visita a essa encantadora e charmosa cidade.

Lá, encontramos um lugar bem bacana na Gare de Genève Cornavin, enquanto aguardávamos o trem de alta velocidade – TGV.

Trata-se do Caffè Ritazza.

 

 Caffè Ritazza Genebra Suiça

Valeu a pena conhecer o Caffè Ritazza, que trabalha com o café Segafredo Zanetti.

Pedimos 2 deliciosos cappuccinos, 2 croissants e uma água Evian, para encarar aproximadamente 3 horas de viagem até Paris, na França.

Certamente, quando estivermos novamente de passagem pela cidade, passaremos novamente pelo estabelecimento para recarregar a dose de cafeina diária.

 Caffè Ritazza Genebra Suiça

Ainda sobre Genebra

A pluralidade gastronômica de Genebra é espetacular. Além dos chocolates e fondues, existem diversos restaurantes estrelados e outros cantinhos especiais que são verdadeiros achados e consequentemente excelentes opções para se deliciar.

Portanto, vale muito a pena!

 

 

Rick e Aline
Um casal apaixonado por cafés compartilhando experiências
Nossas Visitas | Viagens 10 de outubro 2017

Visitamos uma unidade da Espressamente illy em Paris

Visitamos uma unidade da Espressamente illy em Paris.

Dando continuidade sobre nossa viagem até a Europa, onde aproveitamos para conhecer mais sobre os cafés de lá.

Espressamente illy

Ainda não havíamos visitado nenhuma unidade Espressamente illy na europa. Mas claro, sempre tivemos vontade, pois gostamos muito da marca.

Assim, nessa oportunidade, visitamos a que fica localizada na 13 Rue Auber, 75009 Paris.

Leia também: 7 dicas essenciais para preparar Cafés Especiais em Casa

Fomos muito bem atendidos na cafeteria, e claro, matamos a saudade de um de nossos cafés preferidos. Pedimos 2 deliciosos Cappuccinos e ainda levamos café para a casa.

Portanto, se estiver de passagem pela capital francesa, vale a pena a visita.

Illy + Paris = Combinação Perfeita!

Espressamente ily Paris

Sobre a Illy

A illycaffè  é uma empresa familiar italiana, fundada em Trieste em 1933, comprometida em oferecer o melhor café do mundo.

Assim, é a marca de café mais global, produzindo um único blend de café espresso 100% Arábica.

São grãos provenientes de 9 das melhores regiões produtoras de Arábica no mundo, sendo o Brasil o principal fornecedor.

São consumidas mais de 7 milhões de xícaras de café illy por dia, em cafeterias, restaurantes, hotéis, escritórios e residências de mais de 140 países.

 

 

Rick e Aline
Um casal apaixonado por cafés compartilhando experiências
Cafés especiais | Nossas Visitas 23 de agosto 2017

Visitamos o Sítio Daniella

Visitamos o Sítio Daniella

Bom, como todos sabem,  Amamos Cafés! Assim, ontem foi um dia mais que especial! Afinal, conhecemos, a convite do Clube Illy, o Sítio Daniella.

Ele fica localizado em Pardinho-SP, sendo um dos fornecedores de café para a illy.

Pardinho-SP

Então foi muito bacana acompanhar de perto todo caminho percorrido pelo nosso amado café especial. O pessoal da fazenda fez questão de nos mostrar, com muito carinho e atenção, todos os processos até chegar ao consumidor final.

Sítio Daniella

Aliás, a illycaffè  é uma empresa familiar italiana, fundada em Trieste em 1933, comprometida em oferecer o melhor café do mundo. É a marca de café mais global, produzindo um único blend de café espresso 100% arábica, com grãos provenientes de 9 países fornecedores, sendo o Brasil o principal. Assim, são consumidas mais de 7 milhões de xícaras de café illy por dia, em cafeterias, restaurantes, hotéis, escritórios e residências de mais de 140 países.

Sítio Daniella illy café

Precursora do espresso, a illy é considerada líder em ciência e tecnologia do café graças a três radicais inovações. Ao promover o primeiro Prêmio Ernesto Illy de Qualidade Sustentável do Café para Espresso, no Brasil em 1991, também foi pioneira na compra direta dos fornecedores, compartilhando know-how e pagando preços acima do mercado para quem atinge seus padrões de qualidade, em parcerias sustentadas pelos princípios do desenvolvimento sustentável.

Sítio Daniella illy café

E estão de parabéns pelo apoio e incentivo aos produtores de cafés especiais.

Além disso, agradecemos também Daniella e Márcio, pela gentileza e receptividade! Foi uma experiência especial e sensorial.

ADS, foi show!

Sítio Daniella illy café

 

Rick e Aline
Um casal apaixonado por cafés compartilhando experiências
1 10 11 12 13